Grupo das empresas do Consórcio PCJ se reúne para debater experiências socioambientais

  • Home
  • Notícias
  • Grupo das empresas do Consórcio PCJ se reúne para debater experiências socioambientais

 

14/04/2011

As empresas associadas ao Consórcio PCJ se reuniram no dia 08 de abril, na planta industrial da Nívea, em Itatiba, para troca de experiências e apresentação de iniciativas na área de responsabilidade socioambiental empresarial. Expuseram seus cases e novidades além da empresa anfitriã, a Petrobras/REPLAN, Elektro e ArcelorMittal.

O encontro foi aberto pela coordenadora do Grupo das Empresas do Consórcio PCJ, Lígia Cepeda que atentou que o grupo é um espaço para o diálogo entre os associados e a troca de experiências, em que cada um pode expor suas novidades. O Gerente Técnico da entidade, Alexandre Vilella, enalteceu a importância do setor industrial nas bacias PCJ, já que 90% da captação da água na região são feitas pelas empresas presentes na reunião.

A Nívea foi a primeira empresa a expor suas experiências. O responsável pelo setor de Sustentabilidade ambiental, saúde e segurança do trabalho, Igor Oliveira apresentou os resultados ambientais da planta em Itatiba, como a diminuição de 45,4% na geração de resíduos – passando de 16,3k kg/1000 pc para 8,9 kg/1000 pc –, redução de 4,8% de energia, além de diminuir em 6,9% o consumo de água, por meio de investimentos em tecnologia.

“A Biersdorf não realiza testes em animais, utilizando métodos alternativos há cerca de 20 anos, sob as bases: Reduzir gastos, reutilizar materiais e reciclar”, explanou Oliveira.

A responsabilidade ambiental da Nívea, foi abordada por Cintia Tunger, que destacou o projeto leitura – uma parceria com o instituto Ayrton Senna –, arrecadação de banners usados na produção de sacolas, nécessaires, kits, e o projeto SOS Nordeste, em que foram arrecadados 1,3 mil litros de água potável beneficiando 3,9 mil pessoas.

Segundo palestrante do evento, Mauro José Lauro, gerente de meio ambiente da Petrobras/REPLAN, focou nas atividades realizadas em parcerias e com envolvimento do público externo. Lauro destacou o projeto que vem sendo executado ao lado do Consórcio PCJ, que já plantou 110 mil mudas nas bacias dos rios Camnducaia e Jaguari. A previsão é de concluir 2011 com 200 mil mudas plantadas.

O gerente de meio ambiente da Petrobras ainda apresentou os investimentos em Estações de Tramento de Efluentes, na construção de uma estação de monitoramento de qualidade do ar em parceria com a CETESB, além de realização de cursos de qualificação por meio de parceria entre a Petrobras, Prefeituras de Paulínia e Cosmópolis, e Senai das cidades na área de caldeireiro, lixador e montador de estruturas.

A ELEKTRO abordou o projeto Meninos ecológicos, primordialmente executado em Campos de Jordão, hoje está sendo expandido para outros núcleos, como Piracicaba, Araras e Votuporanga. O projeto busca a conscientização de jovens entre 16 e 18 anos de idade, sobre reflorestamento e preservação de matas. Com produção média mensal de 10 mil mudas. A iniciativa consiste de aulas práticas e cada um dos participantes recebe uma bolsa auxílio de meio salário mínimo. Já foram doadas pelo projeto cerca de 120 mil mudas a uma produção de 3 milhões de mudas.

A ArcelorMittal – líder mundial na produção de aço – foi a última empresa a expor suas atividades socioambientais no encontro. Ana Lúcia Scagnolato abordou a Fundação Arcelor Brasil, que ao lado da empresa, financia projetos na linha socioambiental.

Ela destacou o projeto voltado à fornecedores. “As empresas que eu me relaciono tenham os mesmos ideais de responsabilidade social que os da minha. Uma empresa não pode ser socialmente responsável sozinho. São necessários esforços em vários segmentos, para a Arcelor a sustentabilidade vai além das ações”, disse Ana lúcia.

O projeto é dividido em quatro fases do qual o objetivo é valorizar as marcas envolvidas, relacionando-as com meio ambiente, além de melhorar o ambiente interno das instituições.

O Grupo das Empresas volta a se reunir na primeira quinzena de junho, na ArcelorMittal, em Piracicaba para discutir Gestão de Resíduos Sólidos. Está previsto, também para junho o I Encontro Técnico para o Setor Sucroalcooleoiro.

  Assessoria de Comunicação – Consórcio PCJ  

Compartilhe essa matéria via:

Facebook
Twitter
LinkedIn

Newsletter

Assine a Newsletter do Consórcio PCJ e seja o primeiro a saber sobre projetos, ações de conservação e eventos importantes que acontecerão no ano. Além de notícias em primeira mão sobre todo o universo da água.

Outras matérias

Os Comitês PCJ promovem nessa sexta-feira, no dia 17 de novembro, Seminário em comemoração aos 30 anos da entidade, no Teatro Erotides, localizado no Engenho Central de Piracicaba. O evento que é aberto ao público tem como tema: “Comitês PCJ 30 anos – Avanços e Perspectivas na Gestão dos Recursos Hídricos” e contará com a […]
Na manhã desta quinta-feira, 16 de novembro, o Consórcio PCJ, recebeu em sua sede na cidade de Americana (SP), a visita do Secretário Geral da Rede Internacional de Organismos de Bacias (RIOB), Erick Tardieu, que conheceu as instalações da entidade, em especial a Casa + Sustentável, e discutiu sobre novas parcerias. A RIOB é uma […]
Pular para o conteúdo