02.06.2014 - Fórum de Defesa do Rio Corumbataí conclui relatório da situação da bacia e busca recursos estaduais para recuperá-la

Após nove encontros realizados desde 2013 em todos os municípios da bacia e concluído na última reunião, em Piracicaba (SP), no último dia 23 de maio, o Fórum de Defesa do Rio Corumbataí compilou relatórios municipais e montou um diagnóstico da situação da bacia hidrográfica para enviá-los ao Governo do Estado de São Paulo em busca de recursos para preservação e recuperação. O Consórcio PCJ tem apoiado a iniciativa e participou de todas as reuniões, sempre com algum representante da equipe técnica.

 
Representantes das oito cidades quem compõem o Fórum Permanente em Defesa do Rio Corumbataí apresentaram na última reunião (23), na Câmara de Vereadores de Piracicaba, trabalhos de preservação do Meio Ambiente, com foco na conservação da Bacia do Rio Corumbataí, responsável pelo abastecimento de 90% do município de Piracicaba e de municípios vizinhos. Esses dados serão compilador e enviados ao governador de São Paulo, Geraldo Alckmin.

“Nós precisamos ter em mãos todos os relatórios para podermos chegar ao governador e apresentar o custo para recuperar a Bacia do Rio Corumbataí”, afirmou o idealizador do Fórum, o vereador de Piracicaba e, também, membro do Conselho Fiscal do Consórcio PCJ,  José Aparecido Longatto.

O presidente do Semae (Serviço Municipal de Água e Esgoto) de Piracicaba, Wlamir Schiavuzzo, foi o primeiro a expor os trabalhos desenvolvidos pela autarquia sobre os recursos hídricos. “Estamos tratando, praticamente, 100% do esgoto por meio da ETE – Bela Vista, recém-inaugurada”, destacou. Na sequência, a assessora de comunicação da Odebrecht Ambiental, concessionária responsável pelo tratamento do esgoto de Rio Claro, Talita Requena, explicou sobre as perdas de água, abastecimento, tratamento de resíduos e qualidade da água oferecida àquela cidade.  O presidente do Conselho Fiscal do Consórcio PCJ e vereador pelo município de Rio Claro (SP), Julio Lopes, informou que até 2016 a cidade irá tratar 100% de seus esgotos coletados.

Posteriormente as autoridades de Ipeúna, Diego Heron Pinheiro, Analândia, Rodrigo Balerini e Charqueada, Melissa Sampaio, fizeram suas explanações sobre os trabalhos de conservação do Meio Ambiente como um todo.

Representando o Consórcio PCJ, esteve presente o coordenador de projetos, Guilherme Valarini. “A bacia do rio Corumbataí já teve grandes avanços, como é o caso do tratamento de esgoto que no momento o índice é de 78%, porem atualmente é necessário chegar a 100% de tratamento e intensificar o trabalho voltado a preservação e recuperação das matas que protegem as nascentes para uma melhora da qualidade e quantidade de água nos mananciais da bacia”.

Participaram, ainda, desta edição, os vereadores de Piracicaba Luiz Carlos Arruda, Paulo Camolesi e João Manoel dos Santos, além dos parlamentares de Santa Gertrudes Levi Xavier e Glauson Silva.

Oito cidades, ao entorno de Piracicaba, integram o Fórum Regional Permanente em Defesa do Rio Corumbataí. São elas: Analândia, Corumbataí, Charqueada, Itirapina, Ipeúna, Piracicaba, Rio Claro e Santa Gertrudes. 

Assessoria de Comunicação – Consórcio PCJ